Home | Homenagem | Sensei Jair Davanso

Sensei Jair Davanso

Jair Davanso


Nome Completo:
Jair Davanso

Data de Nascimento:
24/06/1955.

E-mail:
jairdavanso@superig.com.br

Quanto iniciou seu treinamento?
Comecei no Karate em 24/09/1975 na Academia Bonzo Karate-Do.

Estilo:
Shotokan.

Graduação Atual:
4o. DAN pela FPK.

Quando o Sr. se formou faixa preta 1o. DAN?
Em 1984 pela FPK Federação Paulista de Karate.

Atualmente o Sr. tem um supervisor para seu treinamento?
Sim, treino no Clube do Palmeiras com o Prof. Jair Pedro de Almeida - 5o. DAN.

Por favor conte-nos um pouco sobre seu histórico no Karate-Do:

   Eu passava nas academias e assistia aos treinos de Karate, ficava com muita vontade de praticar mas tinha que trabalhar e estudar, até que em 1975 com 20 anos de idade surgiu a oportunidade e então pude começar a treinar.

   O que me levou a treinar foi apenas a vontade de aprender uma arte marcial, e a arte com a qual mais me identifiquei foi o Karate.

   Não tenho um grande ídolo, pois acho que há vários grandes karatecas. Procuro tirar um pouco de cada um. Admiro mais os sábios e humildes.

   Gosto de ensinar o pouco que aprendi. A verdadeira filosofia do Karate é o aperfeiçoamento do caráter de seus praticantes. Quando consigo passar isso para o aluno me sinto realizado.

   Quando um aluno vem buscar o seu ensinamento isso me traz uma sensação de grande responsabilidade e de satisfação também. Por isso me empenho para passar esse conhecimento da melhor forma possível. Quero que os alunos saiam realizados, e não decepcionados.

Em quais Academias/Dojos o Sr. ministra treinamentos?

   Academia HR Sport Center
   www.hrsportcenter.com.br
   Aulas as seg - qua - sex Das 18:45 as 19:45hs.

   Performa Academia
   www.performaacademia.com.br
   Aulas as seg - qua - sex Das 20:30 as 21:30hs.

Por favor deixe uma mensagem para os praticantes de Karate:

   Aos praticantes de Karate-Do a mensagem que deixo é que pratiquem o Karate com muito respeito aos seus mestres e a própria filosofia do Karate Budô, deve-se ter dignidade sem agressividade.

   Oss!

 

 

 





© Camacho